Electrify America 1

Electrify America: subsidiária da Volkswagen tem investimento de U$ 2 bilhões

A Electrify America é uma empresa subsidiária da Volkswagen criada com intuito de realizar investimentos em infraestrutura para carros elétricos e fazer campanhas de conscientização sobre os benefícios dos veículos “verdes”.

A subsidiária foi fundada como parte de um acordo após a Volks falsificar resultados de testes de emissão de poluentes, escândalo apelidado de Dieselgate.

Um investimento de US$ 2 bilhões foi feito para que a Electrify America pudesse realizar as obras de infraestrutura e campanhas de conscientização.

Atualmente, a Electrify está usando parte do valor do investimento na fase 1 do projeto. Essa fase compreende a implementação de 2.8 mil carregadores para carros elétricos em todo os Estados Unidos.

Além das obras de infraestrutura, a Electrify America também lançou um comercial que compara um carro a combustão com um carro elétrico – o Chevy Bolt.

No comercial, os dois carros param em um semáforo, e quando é mostrado o carro a combustão, a música-tema do desenho Os Flintstones – cartoon que se passa na idade das pedras –  é tocada. Porém, quando o carro elétrico aparece na tela, é tocada a música-tema de Os Jetsons, desenho futurístico.

Ao abrir o farol, o carro elétrico sai rapidamente, enquanto o veículo a combustão fica para trás. Além do Chevy Bolt, mais 5 carros elétricos aparecem no comercial.

O objetivo do comercial é mostrar que carros elétricos são mais divertidos de dirigir, além de estarem mais acessíveis agora.

O investimentos em infraestrutura e campanhas será feito até 2027.

Electrify America recebe investimento bilionário

Com sede em Reston, Virginia, a Electrify America recebeu da Volkswagen um investimento de US$ 2 bilhões – cerca de R$ 8 bilhões em conversão direta.

A empresa foi criada em um acordo com o Conselho de Recursos do Ar da Califórnia (CARB – sigla em inglês), e com a Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA), após o escândalo Dieselgate – falsificação de testes de emissão de poluentes em veículos movidos a diesel – ocorrido em 2015.

O investimento bilionário da Volkswagen será dividido em fases, com duração total de 10 anos.

Do valor total, US$ 1,2 bilhões serão usados para obras de infraestrutura e campanhas de conscientização em todo o país.

Os outros US$ 800 mil serão usados somente na Califórnia, o maior mercado de elétricos dos EUA.

Fase 1: implementação de carregadores de carro elétrico 

Electrify

A Electrify America já está realizando sua primeira fase de atuação, com data de encerramento prevista para junho de 2019.  

No total, a Electrify America pretende implementar cerca de 2,8 mil carregadores por todo o país.

Para a execução do projeto, a empresa fechou parceria com a Greenlots. Ela fornecerá a plataforma SKY,  usada para o gerenciamento da rede nacional de carregadores.

Nosso objetivo é construir a mais avançada rede de carregadores de alta potência dos EUA.”, declarou Mark MacNabb, CEO da Electrify America

A empresa colocará carregadores com potência de 150 kW em 17 áreas metropolitanas. Algumas delas são Nova Iorque, Washington D.C, Chicago, Houston.

Eles ficarão localizados em comércios, como shoppings e restaurantes, e em condomínios residenciais. Sua potência permitirá um carregamento do equivalente a até 40 Km em uma hora. 

Electrify America 2

Além disso, serão implantadas estações de carregamento rápido nas estradas, com potência de até 350 kW.

Usando essas estações, os veículos poderão ter 80% de carga em 30 minutos a 1 hora.

Já é possível ver diversas estações de carregamento da Tesla – Supercharger – pelas estradas dos EUA. Porém, elas só podem ser usadas por donos de modelos da empresa.

Com os carregadores da Electrify, o carregamento de carros elétricos se tornará mais democrático.

Fase 1: campanhas de conscientização

Segundo a Electrify America, menos de 50% dos americanos já ouviram falar de carros que não emitem poluentes.

Além disso, menos de 34% da população americana já pesquisou sobre carros elétricos.

Devido a esse baixo conhecimento sobre veículos elétricos, a Electrify America está destinando parte do investimento da fase 1 para a realização de campanhas de conscientização, direcionadas a compradores de carros.

Para isso, a empresa está conduzindo pesquisas que categorizam esses compradores. Ela está dividindo os entrevistados partir do que cada um quer, precisa, e do que não quer em um carro. A Electrify também está pesquisando qual meio de comunicação cada comprador prefere (rádio, televisão, redes sociais, etc.).

Com base nesse estudo, a subsidiária da Volks está desenvolvendo campanhas, eventos, que podem gerar interesse pelos carros elétricos. 

Electrify America lança comercial de conscientização sobre carros elétricos

Um dos primeiros esforços na área de campanhas foi o lançamento de um comercial, apelidado de “Os JetStones”. O comercial faz parte da campanha Plug into the present, ou, em português “Plugue no presente.”

O nome faz alusão a dois desenhos animados muito famosos: Os Jetsons e Os FlintStones.

No início, o comercial mostra dois carros na cor laranja; um a combustão e outro elétrico. Quando o carro a combustão aparece no comercial, é tocada a música-tema dos Flintstones – desenho ambientado na idade da pedra.   

Logo depois, aparece o carro elétrico – um Chevy Bolt – e a música dos Jetsons toca. Este cartoon, em oposição aos Flintstones, é ambientado no futuro

Electrify america

Com a utilização dos dois desenhos, o comercial mostra que os carros a combustão são passado. E os elétricos fazem parte do presente.

Carros elétricos não são algo do futuro, eles estão aqui e agora, e são mais acessíveis do que muitas pessoas pensam.”, declarou Richard Steinberg, diretor sênior da Electrify.

Em seguida, os dois carros param, um ao lado do outro, em um semáforo. Quando o sinal abre, o Chevy Bolt arranca na hora, deixando o carro comum para trás.

Com aceleração instantânea, carros elétricos são mais divertidos de dirigir e estão mais acessíveis do que nunca. Os carros elétricos já estão aqui.”

Além do Chevy Bolt, pode-se ver no comercial a presença de outros carros elétricos, como o Nissan Leaf,  BMW i3, Honda Clarity, Hyundai Ioniq e Volkswagen e-Golf

Electrify America 3

Comercial da Electrify America é apenas um – ótimo – começo

A campanha ‘Os JetStones’ é apenas o começo do nosso trabalho em educar e mostrar que veículos elétricos oferecem uma gama completa de recursos que os clientes esperam (…)”

O comercial faz parte do investimento de US$ 45 milhões, destinados a campanhas de conscientização. 

Em entrevista ao Reuters, Richard declarou:

Com essa campanha, estamos tentando dizer que carros elétricos são divertidos de dirigir, têm ótima autonomia, e a disponibilidade de carregamento deles é maior do que as pessoas sabem.”