Selo Eficiência Energética carros

Carros mais econômicos segundo lista do Inmetro.

Um assunto que se fala muito atualmente é economia, não apenas de dinheiro, mas de energia e tempo.

Falando de carros econômicos, já temos muitas opções no Brasil, opções que pouco deixam a desejar para outros carros no mundo!

Nesse artigo você vai saber os carros mais econômicos do país e os mais beberrões também, também vai aprender um pouco mais sobre eficiência energética.

Continue lendo, não perca um detalhe!

Os carros mais econômicos no Brasil, segundo o Inmetro.

O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia, mais conhecido como Inmetro é responsável por várias demandas, como verificar as normas técnicas e das normas legais, no que se refere às unidades de medida, métodos e medição e fomentar a utilização da técnica de gestão da qualidade nas empresas brasileiras.

Por isso, o órgão é capaz de avaliar e divulgar quais são os carros mais econômicos do país.

Mais uma vez os primeiros colocados são os híbridos, os carros que tem a fusão de motores elétricos e motores a combustão.

 

Os 5 primeiros colocados

Essas verdadeiras máquinas, além de lindos, são potentes e super econômicos, confira a lista:

 

  • Toyota Prius 1.8 + elétrico

 

A Toyota levando a medalha de ouro com essa nave chamada Toyota Prius, com emissão de CO2 de 70g/km, fazendo na estrada 17 km/l e na cidade 18,9 km/l. E o consumo energético em 1,15 Mj/km 

  • Ford Fusion 2.0 + elétrico

A medalha de prata ficou com a Ford, com o Ford Fusion, emissão de CO2 de 76g/km. Seu consumo energético é de 1,31 Mj/km, o Fusion, faz 16,8 km/l na cidade e 15,1 km/l na estrada.

  • Volvo XC90 T8

Esse espetacular carro da Volvo, assume a terceira colocação, seu consumo energético é de 1,36 Mj/km. Sua emissão de CO2 é a maior dos três até o momento, 87 g/km. Ele faz 15,3 km/l na cidade e 15,8 na estrada.

  • Peugeot 208 1.2

A Peugeot ganha a quarta colocação com o Peugeot 208, ele faz 14,8 km/l na cidade e 15,8 km/l na estrada. Sua emissão de CO2 é de 82 g/km. Ele possui 1,39 Mj/km de consumo energético.

  • VW Up! TSi Move 1.0 Turbo

Fechando a lista, O UP! Possui a maior emissão de CO2, com 88g/km, fazendo 14,3 km/l na cidade e 16,3 km/l na estrada. Seu gasto energético é de 1,40 Mj/km

 

Zoe NR Elétrico já aparece na lista

Um Hatch compacto com ótimo espaço interno, é outro carro que faz bonito no quesito economia, é o Renault Zoe. Ele tem autonomia de 137 km por cada carga e tem custo  de R$7,92 por cada 100km rodados.

Renault-Zoe-Carregando

 

Relatório é divulgado todo ano

 

O relatório dos carros mais econômicos do ano é divulgado anualmente pelo Inmetro.

No relatório, os carros são divididos em categoria, se é micro compacto, subcompacto, compacto, médio, grande, extra grande, utilitário esportivo compacto, utilitário esportivo grande, fora de estrada, minivan, comercial, carga derivada, picape ou esportivo.

Outra divisão é a marca, modelo, motor e a versão.

Outros quesitos são: Transmissão de velocidade, combustível, emissões de escapamento, se possui ar condicionado e direção assistida, quilometragem por litro e a classificação PBE.

 

Os carros mais beberrões

Para perceber a diferença no bolso dos carros econômicos, vamos falar um pouco agora dos carros que mais bebem.

Dividimos por categorias para ter certa precisão na hora de comparar.

Compactos

  • Renault Sandero RS 2.0 16v

Estrada: 10,8 km/l

Cidade: 8,3 km/l

  • Fiat Punto 1.8 16v Dualogic

Estrada: 10,6 km/l

Cidade: 8,9 km/l

 

Volkswagem Fox Run 1.6 8v

  • Volkswagem Fox Run 1.6 8v

Estrada: 11,2 km/l

Cidade: 9,1 km/l

 

Médios

  • Audi RS3 2.5 turbo 20v

Estrada: 9,9 km/l

Cidade: 8,0 km/l

  • A45 AMG 2.0 turbo 16v

Estrada: 11,2 km/l

Cidade: 8,4 km/l

  • Chery Celer 1.5 16v

Estrada: 11,4 km/l

Cidade: 9,2 km/l

 

Grandes

Audi RSQ3 turbo 10v

  • Audi RSQ3 turbo 10v

Estrada: 9,6 km/l

Cidade: 7,6 km/l

  • Lexus IS 200 2.0 turbo 16v

Estrada: 10,6 km/l

Cidade: 8,0 km/l

  • Subaru WRX 2.0 turbo 16v CVT

Estrada: 10,7 km/l

Cidade: 8,5 km/l

 

Minivan

  • Kia Carnival 3.3 24v

Estrada: 8,7 km/l

Cidade: 6,5 km/l

  • Mercedes- Benz Vito Tourer 119 2.0 turbo 16v

Mercedes- Benz Vito Tourer 119 2.0 turbo 16v

Estrada: 10,9 km/l

Cidade: 8,1 km/l

  • Citroen Grand C4 Picasso Seduction/Intensive 1.6 turbo 16v

Estrada: 12,0 km/l

Cidade: 9,9 km/l

Esportivos

  • Ferrari F12tdf V12 6.3 48v

Estrada: 5,8 km/l

Cidade: 4,9 km/l

Ferrari F12 berlinetta

  • Ferrari F12 berlinetta V12 6.3 48v

Estrada: 6,7 km/l

Cidade: 4,7 km/l

#3 lamborghini Aventador SuperVeloce Roadster 6.5 48v

Estrada: 7,6 km/l

Cidade: 4,5 km/l

 

O que é eficiência energética

Toda e qualquer atividade na sociedade moderna é concluída através do uso intensivo de algumas formas de energia.

Dentro muitas formas de energia que existem, em particular, aquelas que são processadas pela sociedade e colocadas à disposição dos consumidores onde e quando necessárias, como a eletricidade, a gasolina, óleo diesel, álcool, faz natural e outros.

A energia é usada em aparelhos como, lâmpadas e motores elétricos, também são usados em equipamentos mais complexos, tais como: Geladeira, automóveis ou até uma fábrica.

Selo Eficiência Energética carros

Esses equipamentos transformam formas de energia, uma parte dessa energia se perde para o meio ambiente durante esse processo.

Um exemplo básico é o da lâmpada que transforma a eletricidade em luz e calor.

Como o objetivo da lâmpada é iluminar, uma medida da sua eficiência é retida dividindo a energia da luz pela energia elétrica usada pela lâmpada.

Igualmente pode-se avaliar o automóvel, dividindo a quantidade de energia que o veículo proporciona pelo seu deslocamento pela que estava contida na gasolina originalmente.

Uma grande fonte de desperdício deriva do uso inadequado dos sistemas e aparelhos.

Mais grave quando acontece com um veículo parado no trânsito, consumindo mais energia do que a necessária por conta do tempo que fica parado no congestionamento.

 

Como economizar energia

Existem algumas formas de diminuir os gastos com energia, em casa ou no seu trabalho, fazer instalações sustentáveis, como por exemplo instalações de captação de água e energia solar.

Outras formas é utilizar meios de iluminação eficientes, como  lâmpadas de LED.

 

Neste post, vimos carros econômicos e carros que consomem muito.

Percebemos a importância do baixo consumo, não apenas para o nosso bolso, mas para o nosso meio ambiente.

È perfeitamente possível possuir um ótimo carro e consumir menos energia e consequentemente pagar menor por isso.

Curtiu o esse assunto? Você pode receber conteúdos exclusivos assinando a nossa newsletter, clique aqui embaixo!