Pilot Assist 2

Pilot Assist: sistema de direção semi-autônomo da Volvo

O Pilot Assist é um assistente de direção semi-autônomo desenvolvido e já utilizado em carros da Volvo, inclusive em alguns modelos vendidos aqui no Brasil.

Modelos da montadora, como o CX40, 60, 90 e o S90 já contam com o Pilot Assist, porém ele ainda funciona de forma reduzida, sendo considerado um sistema semi-autônomo.

Sensor Radar, câmeras, sensores ultrassônicos são algumas das tecnologias que o Pilot Assist utiliza para controlar a direção do veículo.

Com elas, o Pilot Assist consegue manter o veículo na faixa, controla a aceleração e frenagem, além de poder estacionar sem a intervenção do motorista!

O assistente de direção da Volvo também conta com outra tecnologia incrível: é capaz de “ler” placas e processar informações, como a velocidade permitida na via em que está trafegando.

Nesse ponto, o sistema autônomo da Volvo acaba se saindo melhor em relação ao Autopilot, da Tesla, que utiliza informações de bancos de dados.

Além de tudo isso, segundo a montadora, ainda é possível economizar até 50% de combustível usando o Pilot Assist.

Conheça tudo sobre esse incrível sistema e saiba quais carros já o utilizam.

Pilot Assist: o que é?

Parceira do Uber no desenvolvimento de tecnologia autônoma, agora a Volvo se dedica no desenvolvimento de seu próprio software.

O Pilot Assist é um assistente de direção semi-autônomo criado pela Volvo, em parceria com o Lindholmen Science Park, com a Agência de Transportes da Suécia e Suíça, e com a cidade de Gotemburgo.

Ainda em desenvolvimento, o Pilot Assist 100% autônomo não está disponível nos veículos da Volvo. Quando for liberado, o motorista não precisará colocar a mão no volante em nenhum momento. Desde 2017, a montadora liberou 100 carros autônomos da Volvo com o Pilot Assist para consumidores reais. 

Segundo a montadora, além de toda a facilidade que o Pilot Assist traz, com ele ainda é possível economizar até 50% de combustível.

Isso porque o assistente ajuda o motorista a manter uma velocidade mais constante, sem acelerações ou frenagens bruscas, economizando combustível.

Por enquanto, os veículos da montadora estão utilizando a versão semi-autônoma do Pilot Assist.

Como funciona o Pilot Assist?

Pilot Assist 1

O Pilot Assist funciona em nível 2 de automação. Isso significa que, mesmo tendo a assistência do veículo, o motorista deve manter a mão no volante para realizar certas manobras.

Os carros da Volvo com Pilot Assist contam com 4 câmeras, responsáveis por manter uma visão 360º do entorno do carro + câmera trifocal no topo do para-brisa, usada para a identificação detalhada de objetos, podendo auxiliar na prevenção de colisões. 

Além disso, os carros com Pilot Assist contam com sensores ultrassônicos e Radar, usados na identificação das faixas e de objetos na via.

Além disso, o Pilot Assist conta com um laser na parte frontal do veículo, possibilitando a identificação de objetos com precisão, a até 150m.

Com todos esses hardwares, o Pilot Assist pode controlar algumas ações, como aplicar uma leve pressão no volante caso o carro esteja saindo fora da faixa. 

O Pilot Assist também aciona do freio automaticamente caso algum carro cruze repentinamente.

O sistema anti-capotamento da Volvo, City Safety, também está presente no Pilot Assist. Ele utiliza o sistema de frenagem automática para evitar acidentes graves com capotamento.

Outra função do Pilot Assist é auxiliar na correção de deslocamento. Essa função é principalmente usada para ajudar o motorista a contornar curvas.

O Controle de Cruzeiro Adaptativo também está presente, juntamente com o assistente de direção. Com ele, o carro pode controlar a aceleração e frenagem, de modo a sempre manter uma distância segura do carro à frente.   

 

Com esse assistente de direção, os carros da Volvo também podem estacionar sozinhos. O veículo encontra uma vaga com espaço suficiente e estaciona praticamente sozinho. Só é necessário que motorista controle o acelerador e o freio.

Como ligar o Pilot Assist?

Para ligar o assistente de direção semi-autônoma da Volvo, utiliza-se as setas, localizadas no lado esquerdo do volante, para encontrar o símbolo do Pilot Assist. Quando o símbolo aparecer no painel, basta pressionar o botão localizado no meio das setas.

A seguir, aparecerá um volante no painel. O Pilot Assist só começará a prestar assistência ao motorista quando esse volante na tela ficar verde.

Se a cor do volante mudar para cinza, o assistente não estará mais ativado. O Controle de Cruzeiro continuará funcionando de qualquer forma.  

Pilot Assist 3

É importante que o motorista sempre mantenha a mão no volante, pois o Pilot Assist pode ser desativado a qualquer momento. O assistente de direção funciona a até 130 Km/h.

Pilot Assist pode “ler” placas de trânsito

Além de todas as funcionalidades do Pilot Assist, ele ainda pode “ler” placas de trânsito através de suas câmeras.

A principal funcionalidade dessa tecnologia é manter a velocidade correta, segundo o limite indicado pelas placas de cada via.

Isso é possível graças à câmera trifocal, localizada no topo do para-brisa do veículo, juntamente com o auxilio de um sensor Radar.

Em comparação com o Autopilot, da Tesla, o sistema de direção da Volvo, nesse quesito, sai vencedor.

Isso porque o Autopilot utiliza informações salvas em seu banco de dados. Caso não haja uma atualização muito frequente, o carro pode acabar trafegando em velocidades incorretas.

Mesmo que seja atualizado frequentemente, um sistema que lê as placas na hora sai na frente de qualquer forma.

Em contrapartida, o AutoPilot permite ao carro mudar de faixa sozinho, função ainda não presente no Pilot Assist.

O sistema de direção semi-autônomo da Volvo já está em sua segunda versão (II). É esperado que, em um futuro próximo, ele possa tomar a direção por completo.

Além da Tesla, o carro concorre com os futuros carros autônomos da Toyota, do Google, e possivelmente da Apple.

XC90 e XC60: carros vendidos no Brasil já têm Pilot Assist 

Volvo XC90 Pilot Assist

Já temos carros semi-autônomos da Volvo aqui no Brasil. Um deles é o SUV de luxo XC90, também disponível na versão híbrida.

A versão 2018 do modelo já chega ao país potente, e claro, com o Pilot Assist II. Com o assistente, veículo pode manter-se na faixa, acelerar e frear sozinho, etc.

Com um motor 2.0 de quatro cilindros, o veículo oferece 324 cavalos de potência e pode chegar a 230 Km/h.

A versão híbrida conta com o mesmo design elegante, mas o que se sobressai é seu consumo: 25 Km/l na estrada e 34,5 na cidade.

O XC90 a combustão é vendido no Brasil por R$ 366.950. A versão híbrida sai por R$ 479.950.

Outro modelo que também conta com o assistente de direção da Volvo é o XC60. 

Pilot Assist Volvo Xc60

O Crossover, vencedor do prêmio “Carro do Ano 2018”, conta com um motor 2.0 a gasolina e potência de 254 cavalos, suficiente para atingir 220 Km/h. Porém, o Pilot Assist só funciona até 130 Km/h.

O XC60, versão Momentum, chega ao Brasil custando R$ 235.950.

S90: sedã da Volvo chegará ao Brasil com Pilot Assist

Pilot Assist Volvo s90

O sedã de luxo da Volvo chegará ao Brasil em sua versão híbrida! Com potência combinada de 407 cavalos,  o carro pode ir de 0 a 100 Km/h em apenas 5,6 segundos.

O veículo conta com head-up display, suporte para Apple CarPlay e Android Auto, e claro, Pilot Assist.

Por enquanto, a montadora não anunciou qual será o valor do S90 no Brasil. Nos EUA, o carro é vendido por a partir de US$ 55.750, cerca de R$ 210 mil, em conversão direta.

XC40: o futuro carro elétrico com sistema de direção da Volvo 

Volvo Xc40 Pilot Assist

O primeiro carro 100% elétrico desenvolvido pela Volvo é uma versão do XC40. Ele deverá chegar às lojas em 2019, com o Pilot Assist.

No Brasil, o XC40 está disponível para compra na versão 2.0 turbo a gasolina, com velocidade máxima de 230 Km/h.

O veículo conta com todas as funções presentes no sistema de direção semi-autônoma da Volvo. Inclusive a de ler as placas de trânsito.

A versão mais básica do XC40 (T4) sai por R$ 169.950.