Quando, Quem e Por Quê o carro foi inventado? Conheça a História do automóvel!

O carro se tornou um item essencial na vida da maioria das pessoas, porém, poucos sabem quem inventou o carro e quando isso ocorreu.

Conheça também outros projetos de automóveis similares ao carro que abriram caminho para a criação desse veículo como conhecemos hoje.

Mas antes de falarmos sobre a criação do carro e seus projetos anteriores, vamos responder à pergunta que todos querem saber:

Afinal, quem foi o inventor do carro?

Essa é uma pergunta que pode ter várias respostas, pois, muitas pessoas tiveram a ideia de um veículo que se deslocasse por propulsão própria, porém, vamos considerar o primeiro inventor que teve a ideia e a tirou do papel, construindo um modelo do veículo.

Dessa forma, podemos nomear Karl Benz como o inventor do carro.

Logo Mercedes

Quem foi Karl Benz

Karl Benz nasceu na cidade de Karlsruhe, na Alemanha, em 25 de novembro de 1844.

Seu pai trabalhava em uma ferrovia, conduzindo locomotivas, porém, quando Benz tinha 2 anos de idade, seu pai morreu em um acidente.

A partir desse momento, Benz foi criado apenas pela mãe, que era muito pobre, mas fazia de tudo para que o filho tivesse o essencial.

A educação era considerada coisa séria na família, e aos 15 anos de idade, Karl Benz entrou na Universidade de Karlsruhe no curso de engenharia mecânica. Em 1864, obteve seu diploma.

O primeiro empreendimento

Museu Benz

Após se formar na faculdade, mais precisamente em 1871, Benz abriu sua primeira empresa, localizada em Mannheim, na Alemanha.

Para isso, contou com a ajuda de August Ritter, que se tornou seu sócio no negócio. Juntos, abriram uma fábrica de fundição de aço e oficina mecânica.

Infelizmente, o empreendimento não estava indo muito bem, e para compensar esse declínio, em 1882, novos investidores foram captados para tentar reerguer a fábrica.

Com a entrada desses novos sócios, o nome do negócio foi mudado para “Gasmotoren-Fabrik Mannheim”, onde Benz possuía apenas 5% das ações.

Por conta da pressão das decisões dos outros sócios, Karl decidiu largar a empresa em 1883, e seguir seu próprio caminho.

Nesse meio tempo, se casou com Bertha Ringer, figura de destaque no mundo automobilístico por ser a primeira pessoa a realizar a primeira viagem de longa distância de carro.

Ela realizou esse feito utilizando o modelo criado por seu marido, para mostrar que o carro era bom e seguro.

Benz & Co: a origem do carro

Após largar a antiga empresa, com a ajuda de sua esposa, Benz construiu outra fábrica, denominada “Benz & Co. Rheinische Gasmotoren-Fabrik”.

Com a ajuda dos novos investidores, Friendrich Wilhelm Esslinger e Max Rose, a empresa conseguiu se manter e, mais tarde, já tinha 25 funcionários.

Nessa nova fábrica, eram construídos motores movidos a gás.

O primeiro carro

Primeiro carro mercedes

Livre de seus antigos sócios, Benz agora tinha mais liberdade para criar.

Em 1886, patenteou e apresentou o primeiro Veículo Benz. O modelo era bem simples: apenas uma carroça de 3 rodas com um motor a gás embutido.

Por mais que não pareça nada demais para nós hoje em dia, na época, o invento foi uma grande inovação, pois introduziu ao mundo o que hoje, após muita evolução, conhecemos como carro.

Em 1888, o primeiro veículo da Benz & Co foi vendido e em 1891, foi apresentado ao público o primeiro carro com motor a gás de quatro rodas, criado por Karl.

Após a divulgação das invenções, a empresa de Benz se tornou líder mundial por ser a primeira no ramo com uma linha de montagem.

O que muitos não sabem é que essa montadora ainda é referência no mundo dos automóveis.

Moto Mercedes antiga

De Benz & Co para Mercedes-Benz

É isso mesmo, a Mercedes-Benz, conhecida por seus carros de luxo, era a antiga Benz & Co.

O criador do primeiro carro, Karl Benz, é também o fundador da famosa Mercedes Benz.

Mas antes de virar Mercedes, a Benz & Co fez uma fusão com outra montadora, que na época era sua rival, a Daimler.

Fusão entre Benz & Co e Daimler

Após a Primeira Guerra Mundial, para ajudar a economia na Alemanha a se reerguer, Daimler e Karl decidiram juntar suas empresas em 1924.

Com a junção, o nome da empresa incialmente passou a ser Daimler-Benz AG.

A Mercedes-Benz é uma subdivisão da Daimler AG.

Origem do nome Mercedes-Benz

O nome da marca teve origem em um trato feito entre o fundador da Daimler, Gottlieb Daimler, e um comprador chamado Emil Jellinek.

Emil disse que compraria 36 unidades do automóvel da Daimler se o fundador colocasse o nome de sua filha, Mercedes, no motor do próximo veículo.

Dessa forma, surgiu o nome Mercedes. Mas a essa altura do campeonato, as duas rivais ainda não tinham se fundido.

Após a junção das empresas, Karl decidiu colocar seu sobrenome após Mercedes, e assim, a marca ficou conhecida como Mercedes-Benz.

Carro Benz

Nos dias atuais, a Mercedes-Benz se destaca como uma das marcas que produz os modelos de carro mais desejados pelo público, por seu design, tecnologia e conforto.

Voltando no tempo: os primeiros projetos de carro

Já sabemos que o carro foi inventado por Karl Benz. Também sabemos que ele foi um dos fundadores da conceituada Mercedes-Benz. Mas apesar de tudo isso, ele não foi o primeiro a projetar um carro.

Benz leva o mérito por ser o criador do carro, pois foi o primeiro a construir um modelo, diferente de outros, que apenas tiveram uma ideia, desenharam e projetaram, mas não colocaram o conceito em prática.

Confira a seguir uma espécie de linha do tempo, com os principais acontecimentos do mundo automobilístico antes de chegarmos aos dias atuais.

 

Um carro para o Imperador da China

Ferdinand Verbiest, um astrônomo e matemático nascido em 1623, foi à China em 1659 com o intuito de ajudar a desenvolver a astronomia do local.

Com o tempo, acabou se tornando amigo do Imperador Kangxi, que o incumbiu de ajustar o calendário chinês e reformular o observatório de Pequim.

No mesmo período, Verbiest projetou um “carro” com propulsão a vapor para o Imperador. O carro tinha uma forma bem diferente: era parecido com uma bolha.

Na época desse invento, o uso do vapor para geração de energia e movimento ainda era mínimo, e Ferdinand se destaca como um pioneiro no uso dessa tecnologia em seu tempo.

Por mais que tivesse projetado um protótipo de 60 cm, não se sabe se a invenção passou desse nível para a construção em tamanho grande para assim ser usado pelo Imperador.

 

O motor de pólvora

Aproximadamente na mesma época em que Ferdinand projetava seu veículo a vapor, surge outro gênio que contribuiu para a criação e desenvolvimento do conceito de carro.

Esse é Christian Huygens, um astrônomo, matemático e físico nascido em 1629, na Holanda.

Huygens é o responsável pela criação de um motor que utilizava a pólvora para seu funcionamento.

Com a explosão da pólvora dentro do cilindro do motor, criava-se um vácuo, que fazia com que o pistão voltasse para a parte inferior do cilindro. Assim, esse movimento se repetia e o motor funcionava.

É claro que atualmente não utilizamos pólvora nos motores, mas essa invenção foi mais um passo rumo à criação do veículo que utilizamos atualmente.

 

O carro de Nicolas-Joseph Cugnot

Carro Nicolas-Joseph Cugnot

Avançando um pouco no tempo, chegamos em 1769, época marcada por um novo avanço no automobilismo.

Cugnot foi o responsável por embutir um motor que funcionava a vapor em um veículo.

Apesar de muito válida, a experiência não teve resultados muito bons no momento. Isso porquê o veículo não conseguiu chegar na velocidade inicialmente proposta: 8 Km/h.

Além disso, o carro não se mantinha estável enquanto era conduzido.

Como qualquer experimento nessa área pode ser considerado como um avanço, mesmo que não haja um sucesso completo, Nicolas-Joseph Cugnot conseguiu deixar sua marca na história do automobilismo.

Revolução industrial: o ônibus/locomotiva

A Revolução industrial compreende os períodos entre 1760 a 1840, e foi bem no meio desse tempo que um novo projeto surgiu.

Uma espécie de ônibus com traços parecidos a uma locomotiva foi criada na Grã-Bretanha com a intenção de transportar passageiros pelas ruas da região.

O responsável pela invenção é William Murdoch, que construiu o veículo utilizando um motor a vapor para que se deslocasse.

Apesar de ser apresentado em 1784, o ônibus só ganhou popularidade após 1820.

Com o passar do tempo, melhorias foram feitas, mas não teve jeito, a população não achou o veículo prático e voltou a usar as carroças puxadas por animais. Valeu a intenção.

Um novo tipo de motor

Em 1850, Étienne Lenoir criou o motor que utilizava gás como combustível.

Após algum tempo, Nikolaus Otto, outro inventor muito famoso, fez alguns ajustes e melhorou o motor a gás criado por Étienne.

Em muitas ocasiões, o motor a vapor começou a ser substituído pelo a gás.

O carro de Karl Benz

Como já vimos anteriormente, Karl Benz foi o primeiro a realmente construir um carro com características mais similares aos de hoje em dia.

Antes de Benz, os projetos de carros tinham apenas 3 rodas. Benz adicionou mais uma roda em seu veículo para que ele fosse mais estável e fácil de dirigir.

A criação de Benz foi o primeiro bem-sucedido após uma série de tentativas de outros inventores.

Fordismo

Fabrica Ford

Em 1906, é fundada a icônica Ford Company por Henry Ford. Esta foi a responsável por uma produção e popularização maior dos carros, os tornando um pouco mais acessíveis.

Por mais que Benz tenha sido o primeiro a usar a linha de montagem como recurso para diminuir o tempo de produção dos carros, foi Ford que a popularizou.

Através da já citada linha de montagem, também foi possível produzir veículos iguais, seguindo um padrão. Isso fez com que o valor de custo e de venda dos carros caísse.

É impressionante ver como tantas tentativas foram feitas antes que Benz conseguisse finalmente produzir um carro.

A partir dessas informações, podemos notar a vontade do ser humano desde os tempos mais antigos de criar um meio de transporte eficiente que possuísse propulsão própria.

A história do carro no Brasil

Se o Brasil ainda não é um país de primeiro mundo, imagine então a 200 atrás. A situação era bem mais difícil.

Todo tipo de nova invenção demorava décadas para chegar em nosso país, e com os carros não foi diferente.

Até 1919, para se ter um carro no Brasil, era necessário ter muito dinheiro para importa-lo.

O primeiro veículo a chegar ao país, foi um Peugeot Tipo 3, importado pela família de Santos Dumont, em 1893.

Peugeot tipo 3

Em 1919, a Ford iniciou seus trabalhos em nosso país, construindo uma linha de montagem em São Paulo.

A partir desse momento, outras montadoras também chegaram e os carros começaram a ser produzidos no país.

Como se pode perceber, houve um delay no Brasil com relação à produção em outros países da Europa. Isso ocorreu, pois, os países europeus eram o centro efervescente das novas ideias do ramo automobilístico, e onde havia mais recursos para a montagem dos carros.

Hoje em dia, o cenário se alterou significativamente. O Brasil se destaca como um grande produtor de automóveis.

Os carros atuais

Olhando para trás, percebemos quanto tempo passou até chegarmos ao estágio em que a indústria automobilística se encontra agora.

De tempos em tempos, transformações nessa área ocorrem, para que os meios de transporte possam ser atualizados de acordo com as novas tecnologias e à necessidade da população.

Estamos passando por um importante momento de transição. Os carros movidos a combustíveis fósseis estão aos poucos se tornando ultrapassados, dando passagem a um novo fenômeno: os carros elétricos.

Nos dias atuais, a tecnologia está cada vez mais unida à preocupação com o meio ambiente, por isso os veículos elétricos estão ganhando tanto destaque.

Mas, para chegar nesse estágio em que os carros estão, primeiro diversos inventores precisaram abrir caminho com sua genialidade para a transformação e evolução do conceito de automóvel, desde o veículo Benz, até um elétrico da Tesla, por exemplo.

Através de todas essas informações, podemos perceber a importância da criatividade e inventividade de Karl Benz, o criador do carro, que possibilitou o desenvolvimento do meio de transporte mais popular do mundo.

Seja o primeiro a saber das novidades!

Login/Register access is temporary disabled
Compare items
  • Total (0)
Compare
0