Hyperloop: conheça o transporte futurista que atinge 1200 Km/h

O Hyperloop é um meio de transporte inovador e muito futurista e já está sendo testado com sua estrutura completa. O transporte promete ser mais rápido que os aviões, atingido até 1200 Km/h. Empresas como a Hyperloop One estão trabalhando a todo vapor para que o Hyperloop seja uma realidade palpável o mais rápido possível.

Neste texto, você poderá entender como funciona esse incrível meio de transporte, além de conhecer empresas que já estão desenvolvendo o transporte, como a SpaceX, de Elon Musk, e a Hyperloop One, que inclusive construirá o Hyperloop em Dubai.

O que é o Hyperloop? 

hyperloop one

Antes de conhecermos as empresas por trás desse transporte ultra rápido, é preciso saber o que é ele.

O Hyperloop é um meio de transporte constituído por cápsulas que se deslocam dentro de tubos a uma velocidade de até 1200 Km/h.

Já imaginou ir de São Paulo ao Rio de Janeiro em apenas 20 minutos? Se fosse instalado aqui no Brasil, seria possível.

Isso graças à sua tecnologia de propulsão elétrica, somada ao uso de um sistema de magnetismo e ar comprimido, que permite eliminar o atrito com o trilho. Além disso, a baixa pressão de dentro dos tubos diminui a resistência do ar. Dessa forma, é possível transportar passageiros a uma velocidade incrível.

Quer saber em detalhes como esse novo e rápido meio de transporte funciona? Continue lendo!

O Hyperloop de Elon Musk

Considerado por muitos um gênio, Elon Musk é a figura por trás de grandes empresas, como a montadora de carros elétricos Tesla; a empresa aeroespacial SpaceX e o PayPal.

Além de tudo isso, Elon Musk é o criador do Hyperloop!

O conceito do novo meio de transporte foi desenvolvido por Elon em 2013, mas o empresário não manteve tudo para si.

Com o objetivo de acelerar o desenvolvimento do meio de transporte futurista, Musk disponibilizou o projeto integralmente para que outras empresas possam criar sua própria versão do transporte.

Para conceber o projeto, o empresário se inspirou no VHST, uma espécie de trem rápido em túneis desenvolvido em 1972.

Hyperloop de Elon Musk é desenvolvido pela SpaceX

Apesar de ter liberado a patente do Hyperloop para que qualquer startup possa construí-lo, o empresário também está desenvolvendo sua versão do super transporte.

Quem está cuidando do projeto é a SpaceX, empresa aeroespacial, conhecida por seus incríveis foguetes que podem ser reutilizados.

Por não ser o principal projeto da empresa, o Hyperloop da SpaceX ainda não está em sua fase final de desenvolvimento. Na verdade, pouco se sabe sobre o transporte rápido da empresa. 

Por enquanto, a maior ação da SpaceX com relação a esse projeto é a competição que ela realiza anualmente.

Hyperloop Pod Competition: a competição de cápsulas promovida pela SpaceX 

hyperloop competição

 

Com o mesmo intuito de que o desenvolvimento do Hyperloop seja acelerado e ele possa estar disponível para uso o mais rápido possível, a SpaceX realiza uma competição de cápsulas.

No evento, cápsulas do Hyperloop de diversas empresas são testadas. Na competição, vence a cápsula que atingir a maior velocidade e ao final conseguir frear sem colidir.

A primeira edição da competição de cápsulas ocorreu em 2015. A mais recente edição ocorreu em agosto de 2017.

No site da SpaceX, as empresas já podem se registrar para participarem da edição de 2018. A competição ocorrerá durante o verão americano – entre junho e setembro.

Hyperloop One

Uma das empresas que mais está investindo no desenvolvimento do meio de transporte super rápido, a Hyperloop One já está realizando testes de seu protótipo.

Mas antes de saber sobre os testes, conheça um pouco sobre a história da empresa e como esse meio de transporte futurista funciona.

O surgimento da Hyperloop One

Em 2014, um ano após anúncio e liberação da patente do projeto de Musk, a empresa foi criada.

Fundada por Josh Giegel e Shervin Pishevar, e sediada em Los Angeles, Califórnia, inicialmente a empresa se chamava Hyperloop Technologies, Inc.

A empresa começou pequena, dentro de uma garagem. Mas em apenas alguns meses, a Hyperloop Techonlogies, Inc. se mudou para uma sede em um campus de inovação em Los Angeles.

O crescimento da Hyperloop Technologies, Inc.

Em 2015, a empresa iniciou uma rodada de investimentos de U$ 8,5 milhões. No final, acabou recebendo mais do que esperava: U$ 11 milhões.

Após a rodada de investimentos, a empresa começou o processo de desenvolvimento do Hyperloop. Tubos para transporte das cápsulas e um equipamento de levitação para testes foram adquiridos.

Em 2016, a empresa começou seus testes e conseguiu fazer com que um chassi de cápsula acelerasse de 0 a 218 Km/h em apenas 2,2 segundos! 

A mudança de nome

Após o sucesso dos testes, a empresa mudou de nome, passando a se chamar Hyperloop One. A cada dia, a empresa evoluía mais no desenvolvimento do projeto, até que conseguiu construir uma estrutura completa do transporte. 

A Hyperloop One se tornou conhecida como a primeira e única a construir um sistema completo de Hyperloop.

Desde então, a Hyperloop One tem feito incessantes testes para que o transporte possa ser efetivamente utilizado por pessoas o mais breve possível. 

Atualmente, a empresa está desenvolvendo o transporte em parceria com a Virgin, um grupo formado por empresas de diversas áreas.  

Como funciona o transporte da Hyperloop One? 

hyperloop one tubo

O Hyperloop tem um funcionamento um pouco complexo, pois é diferente de tudo o que já se viu. A seguir, entenda de forma simples e em partes como esse transporte funciona.

Propulsão do Hyperloop

As cápsulas do Hyperloop se movem a partir da propulsão de um motor elétrico de indução linear.

Para entender melhor como um motor de indução linear funciona, pense em um motor elétrico rotativo, daqueles utilizados em carros elétricos.

Um motor elétrico rotativo é composto por um estator e um rotor. Esse último componente gira dentro do estator. 

O motor de indução linear utilizado nos Hyperloops é separado em dois. O rotor, responsável por fornecer energia e criar o campo magnético, fica acoplado nas cápsulas.

Já o estator fica localizado nos trilhos, de forma linear, diferente de um motor rotativo, que fica ao redor do rotor.

O estator é o responsável por manter o campo magnético, e assim, continuar atraindo os rotores das cápsulas.

Assim, os rotores são atraídos pelos estatores, que fazem as cápsulas se deslocarem de forma linear pelos trilhos.

Levitação quando em movimento

Um dos aspectos que mais impedem veículos de se deslocarem de forma rápida é o atrito. Seja com o asfalto ou com o trilho, os veículos sempre vão ter sua velocidade diminuída por conta dessa resistência.

No Hyperloop, a situação é bem diferente.

Após atingirem uma certa velocidade, as cápsulas levitam a 1,3 centímetros dos trilhos.

Isso ocorre graças à uma combinação de magnetismo com a presença de compressores de ar.

Para que possa entender melhor, pense em uma mesa de Hockey Aéreo; aquelas presentes em buffets infantis. Nessa mesa, os discos de Hockey flutuam por conta do ar que sai da superfície.

É exatamente isso o que acontece com o Hyperloop. As cápsulas são os discos, enquanto os tubos são a superfície da mesa.

Com isso, o atrito é eliminado, fazendo com que a cápsula possa atingir velocidades insanas.

Baixa pressão do ar dentro dos tubos

Para que a velocidade das cápsulas possa ser ainda maior, parte do ar dos tubos é retirado, fazendo com que ele seja mantido à uma baixa pressão.

Dessa forma, é possível diminuir a resistência do ar, que atua como um impedimento à velocidade das cápsulas.

Na verdade, não haveria ar dentro dos tubos originalmente. Porém, manter um tubo à vácuo tem muitas implicações e dificuldades.

De qualquer jeito, manter os tubos sob baixa pressão já é um grande auxílio para que as cápsulas possam se locomover com toda sua incrível potência.

Assim, o Hyperloop conseguiria chegar em sua velocidade máxima estimada: 1200 Km/h.

Direção autônoma

Todas as cápsulas do Hyperloop serão autônomas, ou seja, não haverá um motorista “dirigindo”. Por correrem em trilhos lineares, o transporte ultra rápido não precisa realizar manobras extremas, mas apenas controlar a aceleração e frenagem.

Basicamente, é assim que um Hyperloop funciona. Tudo aqui foi explicado de forma simples e alegórica em alguns momentos. Mas para o funcionamento dessa estrutura, vários cálculos matemáticos e físicos complexos são necessários.

É preciso lembrar que o Hyperloop transportará pessoas, e portanto, precisa ser desenvolvido de forma a garantir a segurança de todos.

Como são as cápsulas do Hyperloop One por dentro 

hyperloop capsula por dentro

A estrutura em si do Hyperloop já está em fase de testes, porém, as cápsulas ainda estão sendo desenvolvidas. Por enquanto, a maioria dos testes estão sendo feitos com um trenó, uma espécie de chassi da cápsula.

O que já se sabe é que as cápsulas funcionarão como um serviço de transporte público. Como se pode perceber pelas imagens, os tubos não são tão largos, portanto, as cápsulas devem ser pequenas.

Cada cápsula comportará cerca de 28 pessoas, sendo que cada passageiro poderá levar até 2 malas.

Não haverá serviço de bordo como nos aviões e nem banheiros. Por ser um meio de transporte muito rápido, será possível chegar ao destino proposto em alguns minutos. Dessa forma, banheiros, serviço de bordo e outras facilidades oferecidas em viagens longas não são necessários.

Lançamento e preço das passagens

A Hyperloop One planeja abrir sua primeira rota em 2021. É uma data um tanto quanto otimista, visto que o transporte ainda está em fase de teste. Além disso, uma grande estrutura precisa ser montada para que ele possa funcionar.

O custo dos bilhetes estão estimados entre U$ 20 a 30 – R$ 65 a 100. Porém, essa é uma estimativa inicial. O valor das passagens pode ser mudado pela empresa e pode variar de acordo com a rota desejada pelo passageiro.

Rotas do Hyperloop

Por enquanto, a Hyperloop One não tem nenhuma rota definida, mas a expectativa é que haja uma entre Los Angeles e Las Vegas.

Com uma distância de 435 Km entre as duas cidades, o Hyperloop completará o trajeto em apenas 30 minutos!

Primeiro teste é realizado em Las Vegas

A expectativa da primeira rota ser entre Los Angeles e Las Vegas ocorre porque a empresa está realizando testes nessa região.

A Hyperloop One conseguiu um feito histórico. A empresa foi a primeira a realizar um teste de Hyperloop com estrutura completa.

Nesses primeiros testes, os trenós (chassis de cápsula) não atingiram a velocidade proposta.  Em testes futuros, a empresa pretende chegar na velocidade máxima esperada de 1200 Km/h.

A empresa registrou o teste em vídeo e você pode vê-lo acessando esse link.

Hyperloop em Dubai: transporte ultra rápido ligará a cidade com Abu Dhabi 

hyperloop dubai abu dhabi

Mesmo antes de colocar seu ultra transporte para funcionar nos Estados Unidos, a Hyperloop One já está em negociação para levar a tecnologia para outro continente.

O governo de Dubai, cidade localizada nos Emirados Árabes, anunciou que está em negociação para fechar uma parceria com a Hyperloop One.

A possível parceria prevê uma rota entre Dubai e Abu Dhabi, capital dos Emirados Árabes.

A cidade de Dubai pretende fechar o acordo com a Hyperloop One para que a rota fique pronta em até cinco anos.

Com a construção do novo meio de transporte, será possível ir de Dubai a Abu Dhabi em apenas 12 minutos!

Para se ter uma ideia de sua velocidade, o mesmo trajeto, se feito de carro, leva em torno de 2 horas.

Hyperloop em Dubai terá cápsulas sob demanda

Diferente da cápsula original com capacidade para 28 pessoas, o transporte ultra rápido em Dubai terá “vagões” menores, acomodando no máximo 6 pessoas.

Cada cápsula poderá ser solicitada de acordo com a demanda de passageiros. Dessa forma, não haverá horários fixos de partida e chegada das cápsulas.

Como tudo em Dubai é puro luxo, espera-se que as cápsulas tenham um interior elegante e com estrutura completa para atender os passageiros.

A tecnologia evolui na velocidade da luz. Se há alguns anos atrás os trem-bala eram a novidade do momento, agora o Hyperloop esmaga seu antecessor em todos os aspectos. Com esse novo meio de transporte, será possível realizar viagens muito mais rápidas, e assim, menos tempo se perderá com deslocamentos.

E você, o que achou do Hyperloop? Será que algum dia ele chegará ao Brasil? Deixe sua opinião nos comentários abaixo!

Seja o primeiro a saber das novidades!

Login/Register access is temporary disabled
Compare items
  • Total (0)
Compare
0